Por que o Marketing é um investimento para meu negócio?

Por que o Marketing é um investimento para meu negócio?

Não perca oportunidades em meio a crise.

Muitos lojistas começam seu primeiro negócio economizando ao máximo suas despesas. Em época de crise, ainda mais.Sabia que você pode estar perdendo uma grande oportunidade de crescer em meio a crise ?

Olhar o marketing como investimento e parte importante  para seu negócio com certeza vai trazer bons frutos para você. Principalmente porque você vai estar com o pensamento muito a frente de muitos dos seus concorrentes.

Ao invés de economizar no marketing como uma parte irá fazer, você estará se divulgando para seu público. Pense um pouco como consumidor.Quando você quer economizar e precisa comprar um produto, o que você faz?

Você vai comprar com uma marca que você nunca ouviu falar ? E correr o risco de não ter o que precisa realmente seja por entrega, qualidade ….. ou você vai comprar naquela marca que você já conhece ou alguém indicou?

Provavelmente, você vai comprar daquela que já conhece ou alguém indicou, não é verdade?

Você não vai querer arriscar seu $ em algo novo, nessa situação de crise. E por que você acha que seu cliente compraria da sua marca, que ele não conhece?  Isso já te mostra a importância de ver o marketing como investimento, não é mesmo?

Divulgue sua marca.

 

Além de envolver diversas questões, como o fato de que hoje em dia com o marketing digital você consegue segmentar e entregar seus anúncios para aquele público que já comprou ou visitou seu site. A quantidade de alternativas , estratégias e segmentações possíveis no facebook ads são infinitas, por isso use a seu favor!

Não conhece as ferramentas, não tem conhecimento sobre as técnicas e formas de trabalhar esse vasto campo que é o marketing digital? Procure referências, conheça um pouco como ele pode te ajudar na sua empresa.

Contratar um profissional da área pode ser um caminho. Muitos trabalham como freelancer e de acordo com sua demanda há valores acessíveis para cada tamanho de negócio.

Um profissional de marketing pode te auxiliar na forma que irá se posicionar como marca. Além dos anúncios, o conteúdo, a posição de sua marca, são muitas variáveis que implicam a forma de se trabalhar o marketing de seu negócio. Como já falei em outros posts, crie seu negócio com uma base para que traga frutos e se consolide.

Muitas vezes a economia pode sair cara para o futuro do seu negócio, repense, pense, planeje e veja prioridades.

Ter um negócio próprio envolve várias vertentes e dificilmente colocamos em prática tudo que sabemos. E tudo que ainda esta por vir, o mercado online ainda é novo.Nunca pare de estudar ,conhecer outros profissionais de outras áreas, com certeza isso vai te enriquecer e trazer conhecimento e experiência.

Não tente fazer tudo de uma vez, mas faça o que puder ser feito. Lembre-se de executar além de só estudar e planejar.

Cada negócio tem vida própria e seu tempo. Não deixe passar oportunidades, usar crise para movimentar seu negócio é possível 🙂

Boas vendas!

 

É hora de iniciar a nova campanha.

É hora de iniciar a nova campanha.

Dia das Mães para muitos segmentados sempre é uma época boa de vendas, e o Dia dos Namorados?

Se você não conseguiu fazer uma boa campanha agora no Dia das Mães é hora de iniciar a campanha para o Dia dos Namorados e não deixar para última hora.

O Facebook Ads, está a cada dia que passa com mais novidades e possibilidades para que você possa segmentar bem seu público e trazer mais clientes para sua marca, não deixe escapar essa época do ano que o Amor está no ar e um presente, serviço ou produto pode levar muita emoção para os apaixonados.

  • Planeje sua campanha , saiba o quanto irá investir, mesmo que não tenha muita verba, invista , afinal a cada dia que passa mais pessoas entram no facebook e as empresas estão investindo pesado e aproveitando tudo que a plataforma oferece as marcas.
  • Se você tem uma lista de leads use-a é o momento de mostrar para aquele cliente que já se interessou pelo seu produto ou serviço quais são as ofertas, campanhas.
  • Se o seu investimento é baixo, comece fazendo campanha para o seu público, sua lista de email, clientes que já compraram com você, é muito mais fácil converter vendas com clientes que já compraram do que com novos clientes. Principalmente se eles gostaram e tiveram uma boa experiência de compra com sua marca.
  • Aproveite as vendas que teve no Dia das Mães e peça avaliações em sua fanpage, solicitar um feedback pode te ajudar a deixar sua fanpage ativa e ao mesmo você consegue verificar como anda o retorno de seu trabalho , produto e atendimento.
  • Arrume a “casa”, coloque banners, slides relacionados a temática do dia dos namorados, faça conteúdo que mexa com o emocional de seu público, esse é o período do Amor, mexa com as emoções levando em conta é claro, o seu segmento.
  • Não tente vender produtos que você quer desencalhar do estoque, se for fazer uma promoção pense como cliente, e com o tema da promoção, coloque contexto na campanha que for criar.
  • Aproveite para conferir o estoque de sua loja virtual e o seu estoque real.

Tem mais ideias de divulgação e planejamento para campanhas de dia dos namorados? Comente aqui embaixo 🙂

Boas Vendas!

Você está realmente produzindo algo para seu negócio?

Você está realmente produzindo algo para seu negócio?

 

Comecei o ano de 2017 com foco no estudo e no meu aprimoramento profissional e para meu negócio, estou fazendo um curso bem completo e gostando bastante. É muito bom estudar, descobrir novas técnicas, ter novas visões e se aprimorar. Mas me deparei com algo que acho que todo mundo hoje em dia, passa, independente de estar fazendo um curso ou procurando informações para melhorar seu negócio, que é, muita informação e falta de tempo de colocar em prática. Até por isso fiquei um bom tempo sem postar direto tanto aqui no blog, como vídeos. Afinal, além do estudo e pesquisa também tenho agenda de clientes e logicamente precisamos pagar as contas 🙂

Pois bem, fiquei pensando agora que o curso já está na parte mais prática, se realmente estou colocando em prática o que estudei e aprendi nesses últimos meses, e minha resposta foi não. E por que não? Aprendi tanta coisa interessante, tive vários insights, conversei com tantos profissionais  bacanas, que cada vez que tenho conversas me enriquecem muito do que já sabia e aprendo cada dia mais, mas e a prática? Pois é, ai que mora o grande detalhe tanto de curso ou de abertura de um negócio, você busca informações das mais variadas , e hoje em dia com a era do compartilhamento digital , você consegue aprender muito também com conteúdo gratuito , mesmo que não possa em um primeiro momento fazer um curso, mas o que você faz com toda essa informação colhida?

O perigo mora aqui, quanto mais aprendemos mais achamos que podemos entender um pouco mais para depois colocar em prática, e o erro esta aqui, temos que colocar em prática conforme vamos aprendendo, porque muitas notícias digitais podem ficar ultrapassadas em questões de segundos, ou aquele conteúdo para seu negócio ( meme, aquela estratégia de campanha, etc ) que você podia ter usado naquela sua campanha já não existe mais. E você acaba se frustrando achando que nunca alcançará realmente o que precisa para colocar em prática, e com esse pensamento nunca vai mesmo, como o próprio Estêvão disse , os planetas não vão se alinhar para que você possa então colocar algo em prática.

Você pode nesse momento não estar fazendo um curso, mas se esta pensando em abrir um negócio, ou mesmo reorganizando seu negócio, não espere as estrelas conspirarem a seu favor, procurar conhecimento, cursos, informações é essencial mas esperar aquele start pode fazer você ficar parado e não sair do lugar.

Principalmente para quem é empreendedor, chega um certo momento que precisamos nos reciclar, é essencial, e essa reciclagem pode fazer a gente achar que estamos estagnados, quando na verdade não estamos, apenas estamos atravessando um momento de transição, assim como novas notícias, ferramentas, atualizações surgem no nosso dia a dia ,elas não surgem num passe de mágica, cada pessoa leva o seu tempo de absorver a informação, e partir para prática.

Mas esperar o tempo certo, com certeza não é o ideal, pois ele nunca vai existir, temos que seguir em frente e colocar em prática toda a informação e conhecimento que vamos adquirindo no dia a dia. O não parar de produzir pode te ajudar a não empacar como aconteceu comigo.

Boas Vendas e bons negócios.

Quanta energia você gasta no seu dia-a-dia com coisas desnecessárias para seu negócio?

Quanta energia você gasta no seu dia-a-dia com coisas desnecessárias para seu negócio?

Você já parou para pensar o quanto você gasta de energia com aspectos ou acontecimentos desnecessários no seu dia a dia?

Fiquei quase um mês sem conseguir alimentar o blog por diversos contratempos que surgiram no último mês , mas muitos deles foram horas e energia gasta sem sentido.

Sim, aos poucos vamos aprendendo e modificando nossa forma de trabalhar, principalmente online, onde tudo é muito rápido e dinâmico, mas eventos externos que você não tem controle, desgastam demais a vida corrida e as 24h parecem ser reduzidas cada vez mais a menos horas.

No final do ano passado, fiz um planejamento, perdi algumas horas estudando melhor forma de deixar meu negócio mais fluído, e a partir dessa reestruturação e mudança iniciei 2 cursos online que vem me ajudado muito tanto na parte de organização de negócios como relacionado a marketing digital, além de ter conhecido profissionais muito interessantes e interessados em crescer profissionalmente, o Networking tem sido fantástico.

Os dois cursos se iniciaram pela base de um negócio, ou seja, pelo planejamento, perder algumas horas nesse planejamento é aceitável se você tem um objetivo bem definido. Mas no mundo atual onde tudo é para ontem, essas horas perdidas para alguns pode dar a entender como não fazer nada, ou o projeto estar parado. E muito pelo contrário, se você parar 1 hora do dia para planejar seu dia seguinte, sua agenda da semana, as coisas fluem de maneira natural.

Planejar um projeto, seu negócio, uma loja, tudo começa por ele, para ter os objetivos claros e assim seguir a diante, mesmo que no meio do caminho surjam imprevistos.  Sejam contratempos, externos e na maioria das vezes você não tem controle sob isso, pode parecer que tudo que planejou não irá ser possível. Mas é, tente reduzir ao máximo cobranças desnecessárias , principalmente cobranças pessoais, muitas vezes nos cobramos demais e  nos deixamos ser contaminados por  energias negativas do meio externo e perdemos o foco.

Isso acontece no mundo offline  e no mundo online, e para ultrapassar esses revez , imprevistos, energias somente você pode mudar a forma que isso vai ou não te atingir, afetar ou não suas prioridades .

Da próxima vez que achar que um empecilho vai desmoronar seu planejamento, lembre-se do seu objetivo, se ele esta claro, tenho certeza que você vai ultrapassar os contratempos com mais leveza, sem se deixar contaminar muito pelo ambiente negativo.

Essa semana mesmo, fiquei sem luz por quase 5 horas(no horário de atendimento), em outros tempos, teria me descabelado, ficaria até com dor de cabeça física, sim as pessoas somatizam doenças , nosso cérebro é incrível para o bem e para o mal.

Mas isso realmente era necessário? A minha dor de cabeça física me ajudaria a criar mais tarde o que não pode ser feito nessas 5 horas?  Dessa vez nessas horas sem luz e sem celular, sim a bateria estava terminando também 🙁 . Usei esse tempo lendo uma revista de e-commerce que já tinha chego e não tinha tido tempo de ler os artigos, e estudei. Foi útil para minha mente se distrair, vai ser útil para minha carreira e provavelmente para os próximos clientes que atenda.

Mas eu podia muito bem também, ter tirado esse tempo para lazer, já que não teria o que fazer além de aguardar a luz voltar. Percebe, que depois, sim, tive que trabalhar em dobro, mas a mente estava relaxada, não gastei minha energia com algo negativo que com certeza atrapalharia o resto da semana.

Tem um texto antigo sobre planejamento aqui também.

E esse texto do Joga o job fala um pouco mais sobre planejamento estratégico que você pode adaptar ao seu negócio.

Boas energias e Boas Vendas! 🙂

 

 

3 aprendizados para abrir uma loja virtual

3 aprendizados para abrir uma loja virtual

 

Esse final de semana começou em São Paulo a Feira do Empreendedor 2017 , vai até dia 21 de fevereiro ( terça-feira).

Esse ano não fui, mas quero aproveitar essa data que muitos empreendedores vão ou foram na feira. Para expor 3 aprendizados que tive quando abri minha primeira loja virtual, em 2007.

Para quem não sabe, tive minha primeira loja virtual de 2007 a 2011. Ela era focada em um nicho bem específico, presentes personalizados, meu público era muito sazonal, ou seja, vendia muito em datas comemorativas como ( dia das mães, dia dos namorados, dia dos pais e natal ). Como era tudo artesanal, fazíamos as criações de artes, montagens , a estamparia ( produção em si), apenas a costura era tercerizada, a escalabilidade dela não era possível.

Ou seja, muitas vezes não podíamos atender todos os pedidos que vinham ( por email ou pela loja virtual). Na época, as lojas virtuais estavam no começo e conseguimos atingir um bom público em 2008/2009 através de resultados orgânicos. Basicamente, o público vinha do Google orgânico ou indicações.

Não haviam muitos grupos e erramos muito, aprendemos na raça a parte de estamparia. Perdemos materiais,  dinheiro, mas conseguimos alcançar um público bacana e como muitos vinham de indicação, nas datas comemorativas era muito trabalho. Mas tudo tem um porém né?

O primeiro porém começou a surgir com relação ao giro de caixa. Na época o paypal ainda não estava ou nós não achamos aqui no Brasil. Nós usamos o pagseguro, o que nos levou a acumular as contas, pelo prazo de recebimento, e o baixo capital de giro que tínhamos.

Esse foi o Primeiro aprendizado:

  • Saiba quem é seu público, estude e planeje seu capital de giro.
  • Um público sazonal pode fazer seu negócio quebrar.
  • Busque soluções para que seu negócio venda o ano todo, afinal as contas chegam durante todo o ano.

Nas épocas de festas conseguíamos suprir, porém em épocas normais, isso começou a pesar e quase fomos a falência. Pois é, e o que fazer para cobrir essas épocas de menos pedidos?

Resolvemos buscar o público de empresas, brindes etc.

E foi aí que conhecemos alguns lojistas e vimos que nesse nicho teríamos um público mais regular.

Por conta desses contatos, e como já trabalhávamos com as artes digitais e já havíamos feito cursos de photoshop, corel, programação web entre outros. Mudamos o visual da loja algumas vezes e mudamos de plataforma 3 vezes nesses 4 anos de loja virtual. Começamos a receber propostas de lojistas para a parte visual e criação de artes digitais para divulgação das marcas.

A transição foi feita de uma maneira bem natural, começamos a ter mais pedidos da parte digital e online e para nosso negócio estava compensando mais.

Até o ano passado, 2016 , ainda atendíamos lojistas para criação de produtos em estamparia. Mas eles eram cada vez mais sazonais.Colocamos na balança o que era bom para nosso negócio e o que era legal de fazer porém, o tempo gasto não estava compensando.

Segundo aprendizado:

  • Avalie os prós e contras de cada produto/ serviço que você oferece.
  • Teremos que fazer escolhas importantes e racionais.
  • Observe seu público
  • Não vá pela cabeça do outro ou do seu concorrente, a escolha dele pode não ser a melhor para você e seu negócio.

Principalmente para trabalhos manuais , muitas vezes batemos o pé ( fiz muito isso!) que esse produto é bom pela energia e amor que colocamos neles durante anos. Mas para seu negócio crescer é preciso colocar a razão antes e ver o que realmente compensa e é possível ter escala para seu negócio crescer e se manter financeiramente.

Escolhas são necessárias para nosso crescimento pessoal e profissional, em um negócio isso também acontece. Não é nada fácil.

Tente não seguir modinhas, elas passam e você não quer que seu negócio seja algo passageiro.

Ok, mudamos todo o nosso formato, nosso público, nosso produto, foi sim um começar do zero.Mas com certeza os erros principalmente que tivemos na primeira loja,tentamos não cometer novamente com a Alyma.

E a cada loja que entregamos para um novo cliente tentamos passar essas experiências também, afinal é mais fácil aprender com quem já errou um dia ou já passou por aquele problema, do que na teoria.

Terceiro aprendizado :

  • Esteja aberto a mudanças
  • Busque sempre aprender mais para empreender melhor
  • Compartilhe experiências, faça parte de um grupo mesmo que online.

Sua loja virtual vai precisar de mudanças constantes seja na infra, layout, recursos, integrações.

O dono de uma loja virtual precisa ter em mente que não é possível saber de tudo sempre, e que vai precisar estudar todo dia para ir aprimorando seu negócio, suas habilidades e novas descobertas. Erros, acertos, perdas e ganhos sempre vão existir.

E se um dia precisar mudar de ramo, negócio, nicho, produto ou serviço não é vergonhoso ou uma derrota. As pessoas mudam, os negócios também e um empreendedor precisa saber ser flexível o suficiente para entender quando seu negócio não esta caminhando da maneira esperada.

Espero que o texto ajude de alguma forma, você que esta começando, ou já está no caminho , talvez um pouco perdido, a refletir sobre como anda seu negócio.

E se estiver em São Paulo e puder ir na feira, pode aprender e conhecer muita gente interessante por lá. Afinal sem networking ficamos “estagnados” nas nossas próprias convicções . Conhecer as ideias e experiências dos outros nos ajuda a aprender e empreender mais e mais.

Se não estiver em São Paulo, aproveite tudo que a internet, e os grupos nos oferecem hoje em dia, há 10 anos atrás isso não era possível 🙂

Boas vendas!

 

 

Datas importantes para e-commerce – 2017

Datas importantes para e-commerce – 2017

Já estamos no meio de fevereiro, e o ano de 2017 começou em ritmo acelerado.

Você já preparou seu calendário para datas importantes para sua loja virtual?

3 dicas importantes para não deixar 2017 passar voando e levar a sério seu planejamento anual.

  • Anote em algum calendário | app ou agenda as datas importantes para sua loja.
  • Planeje com antecedência para fazer campanhas.
  • Organize seu estoque, seu atendimento e pós vendas.

É difícil parar um tempinho se você ainda não montou seu calendário anual 2017, mas reserve, para baixar um app pelo celular ou mesmo use o Google Agenda para marcar as datas.

Alguns sites deixam você adicionar as datas no próprio Google agenda, que facilita a vida.

Um site bacana que tem as datas sazonais e também tradicionais é esse.

Com certeza o tempo que você investir para planejar as ações válidas para seu negócio durante o ano, vai render bons frutos.

Planejar com antecedência quais campanhas e como irá estruturá-las vai te ajudar a ter controle do seu estoque. Além disso, esse planejamento pode te ajudar a verificar se realmente conhece seu público e/ou conhecê-lo melhor para fazer campanhas que despertem seu interesse.

Após essa etapa, planeje seu orçamento para as compras de estoque e investimento em marketing para o decorrer do ano.

Lembre-se, anunciando em datas comemorativas como por exemplo ( Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Namorados…) , os anúncios ( Facebook ads) poderão sair mais caros. Por isso um planejamento e um engajamento com seu público anteriormente conquistado vai ajudá-lo a economizar nos anúncios e fazer com que no dia da campanha tenha realmente tráfego em sua loja. Evite fazer campanhas apenas para levar o público para venda final.

Tente pensar a longo prazo, como já disse em outros posts, você precisa atingir seu público (nicho), conquistá-lo, gerar confiança para sua marca para assim converter em venda.

E por fim organize : seu estoque, seus prazos, sua logística e seu atendimento. Não se esqueça do Pós venda, um cliente que retorna e é fiel a sua marca, tem um custo bem menor na hora que você fizer uma próxima campanha.

Boas Vendas!